KITE | Conhecimento, Integração e Transparência na Educação | Programa Erasmus Mundus

English | Français | Português

Como candidatar-se?

É fácil! Leia o site com cuidado. Depois, siga as instruções passo a passo. E pronto! Candidate-se aqui!

Lembre-se: Se você não é capaz de preencher a Ficha de Candidatura on-line, pode descarregar a versão em Word. Preencha a Ficha impressa e entregue-a à pessoa de contato KITE na sua instituição ou envie-a diretamente ao coordenador.

Lista de cursos

Processo de candidatura

A Ficha de Candidatura eletrónica decorre em 6 passos. Entre o passo 1 e 5 você poderá ir para trás. O passo 6 mostra a Ficha inteira e você pode efetuar quaisquer alterações, desde que não feche a Ficha completamente!

1º Passo: Escolha o tipo de mobilidade

Neste passo, você vai escolher o tipo correto de mobilidade e selecionar a instituição parceira na qual está interessado.

Note-se: Somente os interessados na mobilidade de intercâmbio de mestrado podem escolher duas instituições de acolhimento na Ficha on-line (primeira e segunda opção). Os interessados em Mestrado de graduação completa, Doutoramente de intercâmbio, Doutoramento de graduação completa e Pessoal só podem candidatar-se a uma instituição de acolhimento.

2º Passo: Faça o login

Ao completar o 1º Passo da Ficha de Candidatura, você receberá um e-mail para o endereço que submeteu no 1º Passo. Este e-mail conterá os dados de login que permitem o acesso ao seu perfil na Ficha de Candidatura. Depois pode continuar a preencher a Ficha.

Lembre-se: Você pode voltar para a Ficha de Candidatura em qualquer momento antes de terminá-la e fechá-la, quer dizer, você não deve terminar de preencher a Ficha de uma só vez.

3º Passo: Preencha os dados pessoais

Preencha os dados pessoais.

4º Passo: Anexe os documentos comprovativos

Neste passo, você será pedido que anexe os documentos comprovativos de acordo com o tipo e nível de mobilidade a que se está a candidatar. Por favor, tenha em atenção que pode anexar qualquer outro documento adicional no lugar destinado para isso. Você pode verificar a lista de documentos necessários para submissão de candidatura abaixo:

Por favor, note que todos os documentos devem ser apresentados em Inglês ou na língua de instrução da instituição à qual você se candidata. Se os seus diplomas e certificados não estão escritos em Inglês, faça favor de fornecer tanto os documentos originais como a tradução deles. A tradução não tem que ser autorizada, no entanto, recomendamos que você obtenha a assinatura da pessoa de contato KITE na sua instituição de origem nos documentos traduzidos para provar que a versão traduzida coincide com o original, ou forneça uma tradução autorizada, se for exigido pela instituição de acolhimento na altura da candidatura (mais informações podem ser obtidas através da pessoa de contato KITE na instituição de acolhimento (ver contatos).

5º Passo: Feedback

Nesta etapa, você poderá fazer comentários sobre o processo de candidatura e o projecto KITE em geral. Agradecemos o seu interesse no programa e valorizamos as suas opiniões.

6º Passo: Termine a Ficha de Candidatura

Neste passo, você poderá acessar a versão final da sua Ficha de Candidatura. Você poderá efetuar ajustes / alterações que desejar, e depois de responder um último par de perguntas, salvar e fechar a Ficha de candidatura.

Antes de fechar a sua Ficha, por favor, certifique-se que está satisfeito com todos os dados que submeteu. Depois de fechar a Ficha de Candidatura, não haverá possibilidade de fazer mudanças.

Depois de fechar a Ficha de Candidatura, você pode imprimi-la e entregá-la à sua instituição de origem caso a instituição o exigir.

Recordamos que depois de fechar a Ficha de Candidatura, você poderá acessar o seu perfil de candidato, embora seja impossível realizar mudanças. Após o prazo de candidatura, você receberá por meio deste perfil determinadas informações sobre o processo de selecção e outras informações úteis.

Documentos comprovativos

Estes documentos são obrigatórios e variam de acordo com o tipo e nível de mobilidade que você escolheu para a sua candidatura. Você pode submeter livremente quaisquer outros documentos adicionais, caso sejam relevantes para a sua candidatura, no lugar dedicado para isso.

Mestrado – mobilidade de intercâmbio

  • Declaração de Motivação
  • Contrato de Estudos (Learning Agreement) (disponível aqui). O documento tem de ser assinado por:
    • a pessoa de contato KITE na instituição de origem (não aplicável no caso do grupo alvo 2 e 3)
    • coordenador da Faculdade/Departamento na instituição de origem que é responsável pelos processos de reconhecimento
  • Curriculum Vitae em formato Europass. Por favor, use o modelo do Europass CV (disponível aqui)
  • Passaporte- cópia do seu passaporte ou outro documento que possibilite a sua identificação
  • Certificados de competências linguísticas
    • Todos os candidatos precisam de verificar a "Informação detalhada" da respetiva instituição de acolhimento (consulte a seção "Informações Gerais") e, se for o caso, fazer o upload dos eventuais certificados de idioma mencionados. Se a instituição parceira NÃO exigir nenhum certificado de competências linguísticas, por favor envie um documento em formato Word mencionando esse fato. No caso da instituição parceira EXIGIR um certificado de competências linguísticas o candidato não pode fornecê-lo no momento da candidatura, são aplicáveis as seguintes opções:
      • Faça o upload do documeno no qual ofereça a prova da sua competência linguística (por exemplo, a confirmação da sua instituição de origem, ou do centro de idiomas), mas certifique-se que esta opção é aceitável na instituição de acolhimento em questão!
      • Faça o upload do documento Word (doc) no qual você apresente a comunicação electrónica com a instituição de acolhimento no qual se confirmar que você pode fornecer o certificado da competência linguística numa fase posterior.
      • Carregue o documento no formato Word em que você explique quaisquer circunstâncias especiais organizadas pela sua instituição de origem ou baseadas na sua situação pessoal (por exemplo, a sua instituição de origem ofereceu que carregaria a confirmação numa fase posterior, os seus estudos são realizados num país cuja língua de expressão é a mesma que se exige confirmar (Inglês, Francês, Português, etc...)
  • Transcrição de registos – uma lista de todas as disciplinas frequentadas
  • Grupo alvo 2 (fora dos países parceiros) – sistema de avaliação comprovado da universidade que o estudante atende ou atendeu anteriormente.
  • Documento comprovativo da pertença ao grupo alvo 3 (só para os estudantes que quiserem candidatar-se para o grupo alvo 3).

Doutoramento – mobilidade de intercâmbio

  • Declaração de Motivação
  • Plano de estudos e de investigação (modelo). O documento deve ser assinado por:
    • pessoa de contato KITE na instituição de origem (não aplicável no caso do grupo alvo 3)
    • coordenador da Faculdade / Departamento na instituição de origem que é responsável pelos processos de reconhecimento
  • Curriculum Vitae em formato Europass. Por favor, use o modelo do Europass CV
  • Carta de Interesse (Letter of Interest) (modelo)
    • esta carta da instituição de acolhimento especifica o interesse acadêmico da dita instituição: os candidatos precisam de descarregar o modelo da carta de interesse e enviá-la devidamente preenchida e assinada. A carta deve ser assinada pelo coordenador acadêmico na instituição de acolhimento. Quer dizer, os candidatos de doutoramento têm de contatar a universidade de acolhimento antes de apresentarem a sua candidatura.
  • Passaporte – cópia do seu passaporte ou outro documento que possibilite a sua identificação
  • Certificados de competências linguísticas
    • Todos os candidatos precisam de verificar a "Informação detalhada" da respetiva instituição de acolhimento (consulte a seção "Informações Gerais") e, se for o caso, fazer o upload dos eventuais certificados de idioma mencionados. Se a instituição parceira NÃO exigir nenhum certificado de competências linguísticas, por favor envie um documento em formato Word mencionando esse fato. No caso da instituição parceira EXIGIR um certificado de competências linguísticas o candidato não pode fornecê-lo no momento da candidatura, são aplicáveis as seguintes opções:
      • Faça o upload do documeno no qual ofereça a prova da sua competência linguística (por exemplo, a confirmação da sua instituição de origem, ou do centro de idiomas), mas certifique-se que esta opção é aceitável na instituição de acolhimento em questão!
      • Faça o upload do documento Word (doc) no qual você apresente a comunicação electrónica com a instituição de acolhimento no qual se confirma que você pode fornecer o certificado de competência linguística numa fase posterior.
      • Carregue o documento no formato Word em que você explique quaisquer circunstâncias especiais organizadas pela sua instituição de origem ou baseadas na sua situação pessoal (por exemplo, a sua instituição de origem ofereceu que carregaria a confirmação numa fase posterior, os seus estudos são realizados num país cuja língua de expressão é a mesma que se exige confirmar (Inglês, Francês, Português, etc...)
  • Transcrição de registos – uma lista de todas as disciplinas frequentadas
  • Certificado de grau obtido (mestrado ou equivalente)
  • Grupo alvo 2 (fora dos países parceiros) – sistema de avaliação comprovado da universidade que o estudante atende ou atendeu anteriormente.
  • Documento comprovativo da pertença ao grupo alvo 3 (só para os estudantes que quiserem candidatar-se para o grupo alvo 3).

Staff

  • Declaração de Motivação
  • Plano de training/investigação/docência (download the template). O documento deve ser assinado por:
    • pessoa de contato KITE na instituição de origem (não aplicável no caso do grupo alvo 3)
    • coordenador da Faculdade/Departamento na instituição de origem que é responsável pelos processos de reconhecimento
  • Curriculum Vitae em formato Europass. Por favor, use o modelo do Europass CV
  • Carta de Interesse (Letter of Interest) (modelo)
    • esta carta da instituição de acolhimento especifica o interesse acadêmico da dita instituição: os candidatos precisam de descarregar o modelo da carta de interesse e enviá-la devidamente preenchida e assinada. A carta deve ser assinada pelo coordenador acadêmico na instituição de acolhimento. Quer dizer, os candidatos de doutoramento têm de contatar a universidade de acolhimento antes de apresentarem a sua candidatura.
  • Passaporte – cópia do seu passaporte ou outro documento que possibilite a sua identificação
  • Certificados de competências linguísticas
    • Todos os candidatos precisam de verificar a "Informação detalhada" da respetiva instituição de acolhimento (consulte a seção "Informações Gerais") e, se for o caso, fazer o upload dos eventuais certificados de idioma mencionados. Se a instituição parceira NÃO exigir nenhum certificado de competências linguísticas, por favor envie um documento em formato Word mencionando esse fato. No caso da instituição parceira EXIGIR um certificado de competências linguísticas o candidato não pode fornecê-lo no momento da candidatura, são aplicáveis as seguintes opções:
      • Faça o upload do documeno no qual ofereça a prova da sua competência linguística (por exemplo, a confirmação da sua instituição de origem, ou do centro de idiomas), mas certifique-se que esta opção é aceitável na instituição de acolhimento em questão!
      • Faça o upload do documento Word (doc) no qual você apresente a comunicação electrónica com a instituição de acolhimento no qual se confirma que você pode fornecer o certificado de competência linguística numa fase posterior.
      • Carregue o documento no formato Word em que você explique quaisquer circunstâncias especiais organizadas pela sua instituição de origem ou baseadas na sua situação pessoal (por exemplo, a sua instituição de origem ofereceu que carregaria a confirmação numa fase posterior, os seus estudos são realizados num país cuja língua de expressão é a mesma que se exige confirmar (Inglês, Francês, Português, etc...)

Recordamos: Se você não tiver todos os documentos necessários agora (por exemplo, ainda não obteve o seu diploma, mas o terá obtido na altura que a mobilidade começar), por favor, entre em contato com a sua respectiva instituição de acolhimento.

Se a pessoa oficial contato KITE na instituição de acolhimento excepcionalmente concordar que alguns dos documentos podem ser enviados após o prazo, esta correspondência eletrónica deve ser enviada também a modo de explicação.

Se a sua candidatura for bem-sucedida, você será aceite condicionalmente e será dado certo prazo, a fim de apresentar os documentos em falta. Por favor, note que os candidatos que tenham fornecido todos os documentos exigidos serão favorecidos.